Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/1960
Title: DIVERSIDADE NO MERCADO DE TRABALHO: um estudo sobre políticas de gestão da diversidade racial e de gênero nas organizações.
Other Titles: DIVERSITY IN THE LABOUR MARKET: a study on racial diversity management policies and gender in organizations.
Authors: ABREU, Tanielle Cristina dos Anjos
Keywords: Gestão da Diversidade; Discriminação; Gênero; Raça
Diversity Management; Discrimination; Genre; Race
Issue Date: 13-Dec-2017
Publisher: UFMA
Abstract: Este trabalho objetiva identificar políticas internas de gestão da diversidade racial e de gênero no contexto corporativo, analisando o modo com que as organizações empresariais e seus líderes têm lidado com essas questões, bem como contribuir para ampliar o debate em torno da gestão da diversidade no ambiente de trabalho com foco na minimização do problema de disparidades. Para tanto, realizou-se revisão bibliográfica para a produção de um referencial teórico que pudesse contribuir para compreensão da forma como ocorre a desigualdade, exclusão e sub- representação de negros e mulheres no mercado de trabalho, acreditando-se que é necessário entender como as relações sociais entre os grupos podem influenciar na reprodução de discriminações e desigualdades. Posteriormente, utilizou-se de pesquisa documental para verificar se as organizações estão preocupadas em promover equidade e combater a discriminação por meio de políticas internas de gestão da diversidade. Mapeou-se as principais políticas e ações afirmativas empreendidas pelas principais empresas brasileiras, com base no Perfil Social, Racial e de Gênero das 500 Maiores Empresas do Brasil e Suas Ações Afirmativas mais recente, realizado pelo Instituto Ethos (2016). Constatou-se que apenas uma pequena parcela das empresas desenvolve políticas efetivas, pois muitas se restringem a desenvolver somente ações pontuais e a maioria nem sequer empreende alguma política ou ação. E, consequentemente, permanecem as disparidades de gênero e de raça no mercado de trabalho, sobretudo no que tange a salários e cargos do alto escalão.
Description: This paper aims to identify internal policies for the management of racial and gender diversity in the corporate context, analyzing the way business organizations and their leaders have dealt with these issues, as well as contributing to broaden the debate around the management of diversity in the environment with a focus on minimizing the disparity problem. For this, a bibliographical review was carried out to produce a theoretical framework that could contribute to an understanding of the way inequality, exclusion and under-representation of blacks and women in the labor market occur, believing that it is necessary to understand how the social relations between groups can influence the reproduction of discrimination and inequality. Subsequently, documentary research was used to verify if organizations are concerned with promoting equity and combating discrimination through internal diversity management policies. For that, the main policies and affirmative actions undertaken by the main Brazilian companies, based on the most recent Social, Racial and Gender Profile of the 500 Largest Companies in Brazil and Their Affirmative Actions, carried out by the Ethos Institute (2016), were mapped. It was found that only a small number of companies develop effective policies, since many are restricted to developing only specific actions and most do not even undertake any policy or action. As a result, gender and race disparities remain in the labor market, especially with regard salaries and positions of the highest echelon.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1960
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Administração do Campus do Bacanga

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tanielle Cristina dos Anjos Abreu.pdf1,03 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.