Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/3793
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorNUNES, Gessi Pereira-
dc.date.accessioned2019-09-16T19:00:18Z-
dc.date.available2019-09-16T19:00:18Z-
dc.date.issued2019-06-24-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/123456789/3793-
dc.descriptionABSTRACT This work aims to analyze the historical-structuralist approach in the economic discourse of Celso Furtado in Economic Formation of Brazil, identifying the structure used by the author to conduct his work and highlight his influences to justify his theoretical approach to development and underdevelopment. The research was carried out through biographical, bibliographical and documentary research, starting from the study of its intellectual trajectory on the subject of action, from the beginning of his trajectory, considering the publication of Economic Training of Brazil in 1959, period that covers his first theoretical reflections and effective public actions, until his death on 2004. On Celso Furtado's contribution to Brazilian economic historiography, there is a double overflow of relevance to his bases, both in the intellectual trajectory of the economist and in his best known work, considering that his study contributed to the understanding of the causes and proposition of overcoming the underdevelopment in the country and in Latin America, highlighting its importance for ECLAC - Economic Commission for Latin America and the Caribbean.pt_BR
dc.description.abstractEste trabalho tem por finalidade analisar a abordagem histórico-estruturalista no discurso econômico de Celso Furtado em Formação Econômica do Brasil, identificando a estrutura utilizada pelo autor para conduzir sua obra além de ressaltar suas influências para fundamentação da sua abordagem teórica sobre o desenvolvimento e o subdesenvolvimento. A pesquisa deu-se através de pesquisa biográfica, bibliográfica e documental, a partir do estudo da sua trajetória intelectual acerca da temática da ação, desde o início de sua trajetória, considerando a publicação de Formação Econômica do Brasil em 1959, período que abrange suas primeiras reflexões teóricas e de ações públicas efetivas, até sua morte, em 2004. Sobre a contribuição de Celso Furtado à historiografia econômica brasileira, há um duplo transbordamento da relevância para suas bases, tanto na trajetória intelectual do economista, como em sua obra mais conhecida, considerando que seu estudo contribuiu para a compreensão das causas e proposição da superação do subdesenvolvimento no país e na América Latina, evidenciando sua importância para a CEPAL – Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe.pt_BR
dc.language.isootherpt_BR
dc.subjectHistóriapt_BR
dc.subjectEconomiapt_BR
dc.subjectBrasilpt_BR
dc.subjectSubdesenvolvimentopt_BR
dc.subjectIndustrializaçãopt_BR
dc.subjectStorypt_BR
dc.subjectEconomypt_BR
dc.subjectBrazilpt_BR
dc.subjectUnderdevelopmentpt_BR
dc.subjectIndustrializationpt_BR
dc.titleFormação Econômica do Brasil: uma análise do siscurso em Celso Furtadopt_BR
dc.title.alternativeEconomic Formation of Brazil: An Analysis of the Discourse in Celso Furtadopt_BR
dc.typeOtherpt_BR
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Ciências Econômicas do Campus do Bacanga

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GESSI - NUNES.pdfTrabalho de Conclusão de Curso687,27 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.