Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/3795
Title: Economia da cultura, Patrimônio Cultural e desenvolvimento: uma análise da trajetória dos programas federais de preservação do patrimônio cultural brasileiro a partir da década de 1970.
Other Titles: Culture Economy, Cultural e Heritrage Development: An analysis of the trajectory of federal programs for the preservation of Brazilian cultural heritage from the 1970s.
Authors: GONÇALVES, Ana Cláudia Cortes
Keywords: Economia da cultura
Patrimônio cultural
Políticas públicas
Economy of culture
Cultural heritage
Public policies
Issue Date: 12-Jul-2019
Abstract: Esta monografia tem por objetivo investigar, através da relação entre economia da cultura e patrimônio cultural, como se consolidaram as políticas públicas federais de preservação do patrimônio cultural criadas a partir da década de 1970, no Brasil, e de que forma elas são capazes de favorecer o desenvolvimento econômico local. Através da análise da construção dos conceitos de indústria cultural, economia da cultura, indústria criativa e economia criativa é possível a percepçãodaimportância da cultura para o campo das Ciências Econômicas. Partindo desse debate, o patrimônio cultural entra em cena como um importante setor da Economia da Cultura e como objeto de políticas públicas voltadas para o desenvolvimento econômico.Posteriormente, analisa-se a construção das políticas públicas de preservação do patrimônio cultural pela abordagem do desenvolvimento econômico, mediante o estudo dos programas federais de preservação implantadosa partirda década de 1970, o Programa Integrado de Reconstrução das Cidades Históricas–PCH (1973), o Programa de Preservação do Patrimônio Histórico Urbano –Monumenta (2000) e o Programa de Aceleração do Crescimento das Cidades Históricas –PAC/CH (2009/2013). Através de pesquisa bibliográfica realizada em livros, leis, revistas, artigos, monografias, dissertações e teses, bem como em sites governamentais, de jornais e notícias em geral, faz-se o resgate e a análise de uma série de tentativas de promoção da preservação do patrimônio cultural brasileirocomo recurso aodesenvolvimento econômico. A análise dos programas demonstraque houveram ganhos para a temática da preservação do patrimônio, como sua inserção no debate político e acadêmico, mas também enfatiza que não houveram avanços significativosna consolidação dos objetivos traçados por essas políticas públicas no que se refere à promoção do desenvolvimento econômico das regiões por meio da preservação do patrimônio cultural.
Description: ABSTRACT This monograph aims to investigate, through the relationship between culture economy and cultural heritage, how the federal public policies for the preservation of cultural heritage created since the 1970s in Brazil were consolidated, and how they are able to favor local economic development. Through the analysis of the construction of the concepts of cultural industry, culture economy, creative industry and creative economy, it is possible to perceive the importance of culture for the field of Economic Sciences. Starting from this debate, the cultural patrimony enters the scene like an important sector of the Economy of the Culture and like object of public policies directed towards the economic development. Subsequently, the construction of public policies for the preservation of cultural heritage is analyzed by the approach of economic development, through the study of federal preservation programs implemented since the 1970s, the Integrated Program for Reconstruction of Historic Cities (PCH, 1973) , the Program for the Preservation of Historic Urban Heritage – Monumenta (2000) and the Program for the Acceleration of Growth of Historic Cities – PAC/CH (2009/2013). Through bibliographical research carried out on books, laws, journals, articles, monographs, dissertations and theses, as well as on governmental, newspaper and news sites in general, a series of attempts are made to promote the preservation of Brazilian cultural heritage as a resource for economic development. The analysis of the programs shows that there have been gains for heritage preservation, such as its insertion in the political and academic debate, but also emphasizes that there have been no significant advances in the consolidation of the objectives established by these public policies in the promotion of development economic development of the regions through the preservation of cultural heritage.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/3795
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Ciências Econômicas do Campus do Bacanga

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ANA - GONÇALVES.pdfTrabalho de Conclusão de Curso723 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.