Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/3892
Title: Série de casos de óbitos de pacientes em decorrência de sepse em uma Unidade de Terapia Intensiva no nordeste brasileiro
Other Titles: Case series of patient deaths from sepsis in an intensive care unit in northeastern Brazil
Authors: WEBER, Guilherme
Keywords: Sepse
Microrganismo
Infecção
Óbito
qSOFA
Sepsis
Microorganism
Infection
Death
qSOFA
Issue Date: 9-May-2019
Publisher: Universidade Federal do Maranhão
Abstract: A Sepse é definida como uma disfunção orgânica com elevado risco de morte causada por uma resposta do hospedeiro desregulada à uma infecção. Objetiva-se avaliar os óbitos em decorrência de sepse em uma Unidade de Terapia Intensiva do Nordeste Brasileiro. Trata-se de um estudo retrospectivo, descritivo, observacional acerca da mortalidade de pacientes em uma Unidade de Terapia Intensiva no Nordeste Brasileiro em decorrência de Sepse. Estudo realizado a partir da coleta de dados secundários, com tabulação dos dados no programa Microsoft Excel 2007 e a organização dos dados em frequência absoluta e relativa expressos de forma gráfica. Como resultados, verifica-se que a população estudada foi majoritariamente composta por mulheres, representando 54,5% dos casos e de idosos acima de 60 anos em 90,01% da população estudada. O principal foco infeccioso encontrado foi o foco pulmonar, o que representou 54,5% dos casos. Alteração do nível de consciência foi identificada em 100% dos pacientes. Em relação ao uso de dispositivos invasivos, 100% dos pacientes fizeram uso de pelo menos um dispositivo, o acesso venoso periférico esteve presente em 100% dos casos, enquanto que 90,01% utilizavam sonda vesical de demora, 81,8% utilizaram dispositivos respiratórios e 40,5% fizeram uso de acesso venoso central. Os microrganismos responsáveis pela Sepse foram isolados e identificados em 45,5% dos casos, destes 60% foram ocorrências bacterianas e 40% fúngica. Além disso, as informações do quick SOFA foram corretamente preenchido em 45% dos prontuários estudados. Concluiu-se, que foi traçado um perfil epidemiológico dos pacientes, identificamos os principais fatores de risco, conhecemos os principais focos infecciosos e agentes etiológicos envolvidos na progressão do quadro infeccioso associado à morbimortalidade relacionada ao quadro de Sepse dos pacientes acompanhados desta Unidade de Terapia Intensiva. Este estudo contribuiu para agregar informações atualizadas a respeito da contribuição do uso de critérios avaliativos à beira do leito, a fim de evitar a mortalidade do paciente com quadro de Sepse.
Description: ABSTRACT Sepsis is defined as an organic dysfunction with a high risk of death caused by a dysregulated host response to infection. We aim to evaluate the deaths due to sepsis in an Intensive Care Unit from the Brazilian Northeast. This research is composed about a retrospective, descriptive, observational study about the mortality of patients hospitalized at an ICU from the Brazilian Northeast as a result of sepsis. Study carried out from secondary data collection, with data tabulation in the Microsoft Excel 2007 program and the organization of data in absolute and relative frequency expressed graphically. As results, we evidenced that the studied population was composed mainly of women, representing 54.5% of cases and of elderly over 60 years old in 90.01% of the studied population. The main infectious focus was the pulmonary focus, which represented 54.5% of the cases. Alteration of the level of consciousness was identified in 100% of patients. About invasive devices usage, 100% of the patients made use of at least one device, peripheral venous access was present in 100% of the cases, while 90.01% used a bladder catheter, 81.8% made used respiratory devices and 40.5% used central venous access. Microorganisms accountable for sepsis were isolated and identified in 45.5% of the cases, of these 60% were bacterial and 40% fungal. In addition, the quick SOFA information was correctly filled in 45% of the medical records studied. It was concluded, an epidemiological profile of the patients was identified, identified the main risk factors, we cognized the main infectious focus and etiological agents involved in the progression of the infectious disease associated to the morbidity and mortality related to the sepsis of patients with this Intensive Care Unit. This study contributed to aggregate updated information about the contribution of the use of evaluative criteria at the bedside, in order to avoid the mortality of patients with sepsis.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/3892
Appears in Collections:TCCs do Curso de Graduação em Medicina do Campus de Pinheiro

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GuilhermeWeber.pdfTrabalho de Conclusão de Curso688,54 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.