Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/3991
Title: Determinação dos teores de metais em batons vendidos no comércio de importados e em redes de cosméticos da cidade de São Luis – MA
Other Titles: Determination of metal contents in lipsticks sold in the imported trade and in cosmetic nets in the city of São Luis - MA
Authors: BATISTA, Hilka Santos
Keywords: Batom
Espectrometria de emissão óptica com plasma indutivamente acoplado
Metais pesados
Lipstick
Optical emission spectrometry with inductively coupled plasma
Heavy metals
Issue Date: 12-Jul-2019
Publisher: Universidade Federal do Maranhão
Abstract: O batom é um cosmético muito antigo, mais utilizado pelas mulheres no mundo inteiro. Metais pesados como chumbo, mercúrio, cádmio, arsênio, níquel e titânio, podem ser encontrados em formulações de batons, possuindo altos níveis de toxicidade, acarretando graves riscos a saúde humana quando usado em excesso e por um longo período de tempo. O maior problema na presença dos metais pesados nos batons é a acumulação deles no organismo uma vez que esses elementos não são eliminados do organismo. Os metais, principalmente o chumbo são usados para fixação da cor dos batons e das maquiagens. Assim, quanto mais pigmentados e com maior duração, maiores a quantidade de chumbo. Sendo assim, o presente trabalho tem por finalidade detectar metais pesados em batons nas cores lilás e vermelhos vendidos no comércio de importados e em redes de cosméticos da cidade de São- Luís- MA. Em um total de 12 amostras que foram preparadas em triplicatas e levadas a um processo de digestão ácida e analisadas por Espectrometria de Emissão Óptica com Plasma Indutivamente Acoplado (ICP-OES). A partir dos resultados da análise por ICP-OES foram encontrados 5 diferentes elementos metálicos (Ca, Fe, Hg, K, Na). Apesar de terem sido identificados outros metais tóxicos (Cr, Cu, Mg, Mn, Pb) porém fora de detecção do equipamento, sendo assim os batons analisados cumprem com o requerido pela legislação nacional em relação aos limites impostos para metais pesados em cosméticos.
Description: ABSTRACT Lipstick is a very old cosmetic, most used by women worldwide. Heavy metals such as lead, mercury, cadmium, arsenic, nickel and titanium can be found in lipstick formulations, possessing high levels of toxicity, leading to serious risks to human health when used in excess and over a long period of time. The biggest problem in the presence of heavy metals in lipsticks is the accumulation of them in the body since these elements are not eliminated from the body. Metals, especially lead, are used to fix the color of lipsticks and make-up. Thus, the more pigmented and with longer duration, the greater the amount of lead. Therefore, the present work aims to detect heavy metals in lipsticks in lilac and red colors sold in the import trade and in cosmetic networks in the city of São Luís. In a total of 12 samples that were prepared in triplicates and taken to an acid digestion process and analyzed by Inductively Coupled Plasma Optical Emission Spectrometry (ICP-OES). From the results of the ICP-OES analysis, 5 different metallic elements (Ca, Fe, Hg, K, Na) were found. Although other toxic metals (Cr, Cu, Mg, Mn, Pb) have been identified but not detected, the sticks analyzed are in compliance with the requirements of national legislation regarding the limits imposed for heavy metals in cosmetics
URI: http://hdl.handle.net/123456789/3991
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Farmácia do Campus do Bacanga

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
HILKA-BATISTA.pdfTrabalho de Conclusão de Curso630,21 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.