Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/4302
Title: Práticas parentais e treinamento de pais de crianças autistas: um estudo de levantamento bibliográfico
Other Titles: Parental practices and training of parents of autistic children: a study of bibliographic survey
Authors: SCHALCHER, Lyssa Sousa Fernandes
Keywords: Práticas parentais
Treinamento de pais
Transtorno do espectro do autismo
Parental practices
Parent training
Autism spectrum disorder
Issue Date: 6-Jan-2020
Publisher: Universidade Federal do Maranhão
Abstract: A chegada de uma criança é culturalmente vivenciada como uma experiência demasiadamente marcante. Esse momento, todavia, pode vir a apresentar grandes obstáculos diante do recebimento de um diagnóstico de TEA, por sinalizar uma situação desconhecida para os pais, que terão que lidar com as exigências parentais de acordo com as necessidades específicas apresentadas pela criança. Esta pesquisa teve como objetivo geral investigar, através de um levantamento bibliográfico, estudos que possibilitem a promoção de práticas parentais positivas por meio de treinamento de pais de crianças autistas, a partir dos trabalhos que foram realizados com essa população, tendo como base a Análise do Comportamento. A coleta de dados foi realizada durante os meses de outubro a dezembro de 2019 por meio de pesquisa em periódicos indexados nos portais SciELO, PePSIC, LILACS e Google Acadêmico. Para a pesquisa, foram utilizados os descritores: (a) “cuidadores” AND “autismo”; (b) “práticas parentais” AND “autismo”; (c) “pais” AND “autismo”, considerando artigos escritos em língua portuguesa e inglesa, produzidos no Brasil entre os anos de 2000 a 2019. Ao todo, 10 artigos foram analisados integralmente. Os resultados apontam que as intervenções em treinamento de pais tiveram como objetivos o ensino de aplicação de programas comportamentais, manejo de comportamentos problema, treino para desenvolver engajamento social e desenvolvimento de comunicação. Concluiu-se que as estratégias utilizadas para treinamento de pais mostram-se eficazes, principalmente ao estabelecer uma relação com o desenvolvimento de práticas parentais positivas, no sentido de educar os pais a perceberem o modo como seus filhos adquirem novos repertórios, aprendem habilidades e se comunicam com o ambiente ao qual estão inseridos, possibilitando aos pais a oportunidade de auxiliá-los nesse processo, favorecendo o desenvolvimento de comportamentos socialmente adequados e minimizando o aparecimento de comportamentos socialmente inadequados. Recomenda-se a realização de pesquisas que investiguem como as práticas parentais são desenvolvidas nos casos de famílias com crianças que apresentam desenvolvimento atípico, bem como os impactos da psicoeducação para desenvolvimento de práticas educativas parentais, aliada ao ensino de princípios básicos de análise do comportamento, a fim de visualizar a possibilidade dessas estratégias de intervenção apresentarem ganhos relacionados à qualidade de vida dos familiares, bem como prestar serviço no ensino de técnicas eficazes de manejos de crianças via cuidadores.
Description: ABSTRACT The arrival of a child is culturally experienced as an overly remarkable experience. This time, however, may present major obstacles to the receipt of a diagnosis of ASD, as it signals a situation unknown to parents, who will have to deal with parental demands according to the specific needs presented by the child. This research aimed to investigate, through a bibliographic survey, studies that enable the promotion of positive parenting practices by training parents of autistic children, from the work that was done with this population, based on the analysis of Behavior. Data collection was performed from october to december 2019 by searching journals indexed in SciELO, PePSIC, LILACS and Google Scholar portals. For the research, the following descriptors were used: (a) “caregivers” AND “autism”; (b) “parenting practices” AND “autism”; (c) “parents” AND “autism”, considering articles written in Portuguese and English, produced in Brazil between 2000 and 2019. In all, 10 articles were fully analyzed. The results indicate that the interventions in parent training aimed to teach the application of behavioral programs, problem behavior management, training to develop social engagement and communication development. It was concluded that the strategies used for parent training are effective, especially in establishing a relationship with the development of positive parenting practices, in order to educate parents to understand how their children acquire new repertoires, learn skills and communicate with the environment to which they are inserted, allowing parents the opportunity to assist them in this process, favoring the development of socially appropriate behaviors and minimizing the appearance of socially inappropriate behaviors. Research to investigate how parenting practices are developed in the case of families with children with atypical development is recommended, as well as the impacts of psychoeducation for the development of educative parenting practices, coupled with the teaching of basic behavior analysis principles, in order to visualize the possibility of these intervention strategies to bring gains related to the family's quality of life, as well as to provide service in teaching effective child management techniques through caregivers.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/4302
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Psicologia do Campus do Bacanga

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LyssaSchalcher.pdfTrabalho de Conclusão de Curso595,82 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.