Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/4650
Title: Experimentação no ensino de biologia: uma análise do desenvolvimento da alfabetização científica nos estudantes do ensino médio
Other Titles: Experimentation in Biology Teaching: An Analysis of Scientific Literacy Development in High School Students
Authors: TEIXEIRA, Leticia de Moraes
Keywords: Enculturação científica
Iramuteq
Aprendizagem significativa
Scientific enculturation
Iramuteq
Meaningful learning
Issue Date: 29-Apr-2021
Publisher: Universidade Federal do Maranhão
Abstract: RESUMO A experimentação no ensino de biologia, dependendo da forma que é realizada, é capaz de despertar o senso crítico, investigador e criativo dos alunos. Apesar da ausência na maioria das escolas de laboratório adequado, as atividades experimentais podem ser realizadas na própria sala de aula utilizando materiais caseiros. O objetivo desta pesquisa foi analisar o desenvolvimento da alfabetização científica a partir de uma atividade experimental com estudantes da 1a série do ensino médio de uma escola pública do município de Chapadinha-MA. A abordagem da pesquisa foi de caráter qualitativo, onde os estudantes relataram ao término da atividade experimental, referente ao conteúdo “Vitaminas”, suas observações e conclusões sobre o experimento. Realizamos uma pré-análise dos textos, exploração do material, tratamento dos resultados e análise de conteúdo utilizando o software Iramuteq. Nove de um total de 10 indicadores de Alfabetização Científica foram encontrados nos relatos dos alunos, onde 3 indicadores foram predominantes: organização de informação, seriação de informações, justificativa. Além disso, o número máximo de indicadores por estudante foram 7, evidenciando que o processo de alfabetização científica está em desenvolvimento nos estudantes. Esta pesquisa nos permitiu avaliar a experimentação como estratégia importante no processo de ensino-aprendizagem, aproximando os estudantes da cultura científica escolar. ____ ABSTRACT Experimentation in the teaching of biology, depending on the way it is carried out, is capable of awakening the critical, investigative and creative sense of the students. Despite the absence in most schools of suitable laboratory, experimental activities can be carried out in the classroom using homemade materials. The objective of this research was to analyze the development of scientific literacy from an experimental activity with students of the 1st grade of high school in a public school in the municipality of Chapadinha-MA. The research approach was of a qualitative character, where students reported at the end of the experimental activity, referring to the content “Vitamins”, their observations and conclusions about the experiment. We perform a pre-analysis of the texts, exploration of the material, treatment of the results and content analysis using the Iramuteq software. Nine out of a total of 10 Scientific Literacy indicators were found in the students' reports, where 3 indicators were predominant: information organization, information serialization, justification. In addition, the maximum number of indicators per student was 7 simultaneously, which showed that the process of scientific literacy is under development in students. This research allowed us to evaluate experimentation as an important strategy in the teaching-learning process, bringing students closer to school scientific culture.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/4650
Appears in Collections:TCC de Graduação em Ciências Biológicas do Campus de Chapadinha

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LETICIA-TEIXEIRA.pdfTrabalho de Conclusão de Curso620,05 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.