Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/5214
Title: Perfil epidemiológico das neoplasias malignas na unidade de alta complexidade em oncologia pediátrica do Sul do Maranhão
Other Titles: Epidemiological profile of malignan neoplasms in the unidade de alta complexidade em oncologia pediatrica of the south region of Maranhão
Authors: MARINO, Laena de Brito
Keywords: câncer Infantil;
epidemiologia;
criança;
adolescente.
childhood;
neoplasy;
cancer;
epidemiology;
child;
teenager.
Issue Date: 21-Nov-2019
Publisher: Universidade Federal do Maranhão
Abstract: RESUMO Laena de Brito Marino1 Gustavo Senra Avancini 2 Renata Vasques Palheta Avancini3 Introdução: O câncer infantil tem baixa incidência, se comparado a outras doenças que ocorrem na infância. Entretanto, possui alta taxa de mortalidade, representando a primeira causa de óbito até a primeira década de vida. Objetivo: O objetivo central da pesquisa é determinar o perfil epidemiológico dos casos de neoplasia malignas na Unidade de alta complexidade em Oncologia Pediátrica em Imperatriz- Maranhão, desde a sua implantação em novembro 2017 até dezembro de 2018. Metodologia: Constitui-se em um estudo descritivo, transversal e retrospectivo, mediante construção de um banco de dados a partir dos prontuários dos pacientes alocados nesse serviço. Resultados: Foram avaliados 50 prontuários, a maioria era do sexo masculino (64%). Já a faixa etária mais acometida foi acima de 11 anos (42,5%). O tempo entre admissão e diagnóstico foi acima de 180 dias em 50% dos pacientes. Em relação ao tipo de neoplasia obteve-se que as leucemias foram as mais comuns (38%). Já a taxa de óbito foi de 20%. Conclusão: Verificou-se que apesar da prematuridade do serviço de oncologia, obteve-se epidemiologia semelhante à realidade nacional. Apesar disso, almeja-se que a pesquisa instigue outros estudos na área, a fim de contribuir para a assistência desses pacientes.
Description: ABSTRACT Introduction: Childhood cancer has a low incidence compared to other diseases that occur in childhood. However, it has a high mortality rate, representing the first cause of death until the first decade of life. Objective: The main objective is to draw the epidemiological profile of childhood cancers in the Unidade de Alta Complexidade em Oncologia pediátrica em Imperatriz-Maranhão, since its implementation in November 2017 until December 2018. Methodology: It is a descriptive, cross-sectional study. retrospective, by constructing a database from the medical records of patients allocated to this service. Results: Fifty medical records were evaluated, most of them male (64%). The most affected age group was over 11 years old (42.5%). The time between admission and diagnosis was over 180 days in 50% of patients. Regarding the type of cancer, it was found that leukemia was the most common (38%). The death rate was 20%. Conclusion: It was found that despite the prematurity of the oncology service, we obtained epidemiology similar to the national reality. Nevertheless, it is intended that the research instigates other studies in the area in order to contribute to the care of these patients.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/5214
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Medicina do Campus de Imperatiz

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LAENADEBRITOMARINO.pdfTrabalho de Conclusão de Curso1,88 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.