Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/5379
Title: VIVÊNCIAS DA MATERNIDADE NA GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA DA UFMA: suas implicações psicossociais na vida de mulheres-mães
Other Titles: EXPERIENCES OF MATERNITY IN THE GRADUATION IN PSYCHOLOGY OF UFMA: its psychosocial implications in the lives of women-mothers
Authors: BATISTA, Karlesandra Ferreira da Cruz
Keywords: Maternidade;
Graduação;
Impactos Psicossociais
Psychosocial Impacts;
Graduation;
Maternity
Issue Date: 28-Jan-2022
Publisher: UFMA
Abstract: A experiência da maternidade, por si só, pode trazer inúmeras mudanças na vida de uma mulher- mãe, desde fisiológicas, emocionais, sociais, familiares, etc. Assim, vivenciar esse fenômeno na graduação seria lidar com dois universos de possibilidades e demandas, concomitantemente, com diferentes peculiaridades e exigências: maternidade e graduação. Esse processo pode ser potencialmente considerado um desencadeador de implicações psicossociais para quem o vivencia, permeado por significados culturais e sociais. Portanto, este trabalho é uma pesquisa de campo, qualitativa e participativa que teve como objetivo compreender as implicações psicossociais na vida de estudantes de graduação em Psicologia da UFMA, a partir de suas experiências de maternidade. A pesquisa foi realizada com 5 mulheres-mães universitárias do Curso de Graduação em Psicologia da UFMA, em diferentes períodos acadêmicos, sendo as principais responsáveis pelo cuidado do(s) filho(s). A pesquisa foi dividida em dois momentos, sendo o primeiro o preenchimento do questionário sociodemográfico e, no segundo, entrevistas individuais on-line via Google Meet. A análise dos dados foi realizada utilizando o modelo de análise de conteúdo de Laurence Bardin. Portanto, os resultados evidenciaram diversas implicações psicossociais da vivência da maternidade na graduação, como desempenho acadêmico, relações familiares, relações afetivo-sexuais, além da saúde mental dessas mulheres-mães universitárias. Além disso, por meio desta pesquisa e de outras que possam surgir, espera-se contribuir para a ampliação das discussões sobre as demandas das mulheres- mães nos cursos de graduação, possibilitando a implementação de Políticas Públicas e Educacionais, reconhecendo as implicações psicossociais na vida dessas alunas e os impactos no crescente número de mulheres que ingressam no Ensino Superior.
Description: The experience of motherhood, by itself, can bring countless changes in the life of a woman- mother, from physiological, emotional, social, family, etc. Thus, experiencing this phenomenon at graduation would be dealing with two universes of possibilities and demands, concomitantly, with different peculiarities and requirements: motherhood and graduation. This process can potentially be considered a trigger of psychosocial implications for the one who experiences it, as permeated by cultural and social meanings. Therefore, this work is a field research, qualitative and participatory that aimed to understand the psychosocial implications in the lives of undergraduate students in Psychology at UFMA, based on their experiences of motherhood. The research was carried out with 5 university women-mothers from the Psychology Undergraduate Course at UFMA, in different academic periods, being the main responsible for the care of the child(ren). The research was divided into two moments, the first being the completion of the sociodemographic questionnaire and, in the second, individual online interviews via Google Meet. Data analysis was performed using Laurence Bardin's content analysis model. Therefore, the results showed several psychosocial implications from the experience of motherhood in the undergraduate course, such as academic performance, family relationships, affective-sexual relationships, in addition to of the mental health of these university women-mothers. Furthermore, through this research and others that may arise, it is expected that it will contribute to the expansion of discussions on the demands of women- mothers in undergraduate courses, enabling the implementation of Public and Educational Policies, recognizing the psychosocial implications in the lives of these student womens and the impacts on the growing number of women who have entered Higher Education.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/5379
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Psicologia do Campus do Bacanga

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
KARLESANDRA FERREIRA DA CRUZ BATISTA .pdfTCC de Graduação1,13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.