Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/5434
Title: Produção do arroz sob diferentes lâminas de irrigação no cerrado maranhense
Other Titles: Rice production under different irrigation depths in the Cerrado of Maranhão
Authors: MIRANDA, Ivan da Silva
Keywords: evapotranspiração;
déficit hídrico;
oryza sativa;
evapotranspiration;
water deficit;
oryza sativa
Issue Date: 30-Mar-2021
Publisher: Universidade Federal do Maranhão
Abstract: RESUMO O estado do Maranhão já foi o maior produtor de arroz do nordeste e apresenta características de escassez hídrica por longos períodos. O uso da irrigação no processo produtivo é uma das principais ferramentas aplicada à garantia e ao preço final do produto. Objetivou-se avaliar o efeito do estresse hídrico na produtividade do arroz, causados por déficit e excesso hídrico nas condições edafoclimáticas do Maranhão. O experimento foi realizado entre 01 de março a 08 de junho de 2020, em casa de vegetação no CCAA/UFMA, em Chapadinha–MA. O delineamento foi inteiramente casualizado referente a lâminas de irrigação descritos da seguinte maneira: T1 = Irrigação plena 100% da ETc; T2 = Déficit de 70% com 30 % da reposição da Evapotranspiração da cultura (ETc); T3 = Déficit de 50 % com reposição de 50% da ETc; T4 =.Excesso 150% da ETc., com cinco repetições, totalizando 40 parcelas. A cultivar utilizada foi a IRGA 424. Com os resultados, foi possível perceber que a produtividade do arroz apresentou um ajuste quadrático em função das lâminas de irrigação. O menor valor (1,31 t.ha-1 ) foi obtido com déficit hídrico de 70% e 30% de reposição hídrica. O ponto máximo de produtividade (26,42 t.ha-1 ) foi observado com 100% de reposição hídrica. Conclui-se que o tratamento com déficit de 70 % e 30 % de reposição hídrica (T2) não é recomendado em função de reduzir o número de grãos e produtividade na cultura do arroz. Dessa maneira recomenda-se uma lâmina de irrigação acima de 50% da ETc para a cultivar de arroz IRGA 424___ABSTRACT The state of Maranhão was once the largest rice producer in the Northeast and has characteristics of water scarcity for long periods. The use of irrigation in the production process is one of the main tools applied to the guarantee and the final price of the product. The objective was to evaluate the effect of water stress on rice productivity, caused by water deficit and excess in the edaphoclimatic conditions of Maranhão. The experiment was carried out between March 1 and June 8, 2020, in a greenhouse at CCAA / UFMA, in Chapadinha – MA. The design was completely randomized referring to irrigation depths described as follows: T1 = Full irrigation 100% of ETc; T2 = 70% deficit with 30% replacement of crop evapotranspiration (ETc); T3 = 50% deficit with 50% replacement of ETc; T4 = .Excess 150% of the ETc., with five repetitions, totaling 40 plots. The cultivar used was IRGA 424. With the results, it was possible to notice that the productivity of the rice presented a quadratic adjustment in function of the irrigation depths. The lowest value (1.31 t.ha-1) was obtained with a 70% water deficit and 30% water replacement. The maximum productivity point (26.42 t.ha-1) was observed with 100% water replacement. It is concluded that treatment with a 70% deficit and 30% water replacement (T2) is not recommended due to the reduction in the number of grains and productivity in rice cultivation. Therefore, an irrigation depth above 50% of ETc is recommended for the rice cultivar IRGA 424.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/5434
Appears in Collections:TCC de Graduação em Engenharia Agrícola do Campus de Chapadinha
TCC de Graduação em Engenharia Agrícola do Campus de Chapadinha

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
IVANMIRANDA.pdf806,55 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.