Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/5952
Title: O BANHO DO RECÉM-NASCIDO: análise de vídeos expressos no YouTube
Other Titles: THE BATHING OF THE NEWBORN: analysis of videos expressed on YouTube
Authors: CANTANHEDE, Byanca dos Santos
Keywords: Recém-nascido;
Higiene da Pele;
Saúde da criança
Newborn;
Skin hygiene;
Child health
Issue Date: 5-Dec-2019
Publisher: UFMA
Abstract: Introdução: O banho do recém-nascido tem significativa relevância na prevenção de infecções cutâneas, contribui para a limpeza corporal e boas condições da pele. Além de higiene, o banho fortalece o vínculo entre mãe e filho, promove conforto e estimulação tátil, entretanto, pode ser gerador de ansiedade e insegurança para mães e familiares e quando realizado equivocadamente, pode causar danos à saúde da criança. Diante disso, mães e familiares, buscam informações sobre o banho do recém-nascido em plataformas de vídeos como o YouTube. Considerando informações relativas ao banho do recém-nascido questiona-se: Como o conteúdo banho do recém-nascido é apresentado nos vídeos do YouTube em termos de confiabilidade quando comparadas com as publicações científicas? Objetivos: Analisar os vídeos do sítio de compartilhamento do YouTube acerca do banho do recém-nascido; Descrever os aspectos operacionais do banho do recém-nascido nos vídeos capturados no YouTube; Comparar o conteúdo dos vídeos com a literatura científica. Metodologia: Estudo exploratório descritivo, apoiado no método de análise de imagens em movimento, com abordagem qualitativa. A pesquisa foi realizada noYouTube, cujo endereço virtual é www.youtube.com. A coleta de dados foi realizada no período de outubro de 2018 a janeiro de 2019 por meio da visualização de vídeos do YouTube a partir da busca com a palavra-chave “banho do recém-nascido” no espaço temporal de 2016 a 2018. Os vídeos foram descritos individualmente segundo tempo de duração; responsável pela postagem; data da postagem; total de visualizações; categoria; abordagem; objetivo; pessoa que faz a abordagem; operacionalização do banho; utensílio utilizado para o banho; produtos utilizados; quantidade e temperatura da água; horário do banho e espaço físico para o banho. Resultados: foram analisados 61 vídeos dos quais itens possíveis de quantificação foram expressos em forma de quadros, as informações que não puderam ser contabilizadas foram expressas pela descrição. De modo geral, 28% dos vídeos tem duração entre 3 e 6 minutos, 89% são de autoria de pessoa física, 70% tem como finalidade educar; mães e enfermeiras foram as principais executoras do banho correspondendo respectivamente a 26%. No contexto domiciliar, 28% dos banhos foram realizados no quarto e no contexto hospitalar, 26% nas enfermarias. A temperatura da água foi uma informação pouco precisa nos registros, os vídeos utilizam principalmente a expressão “agradável ao toque “aconselhando que fosse utilizado o dorso da mão ou o cotovelo para verificar a temperatura. O sabonete líquido neutro foi o produto mais utilizado no banho do recém-nascido (58%). Conclusão: a análise dos vídeos reforça que o banho do recém-nascido embora pareça simples, trata-se de algo complexo e que influencia diretamente na saúde e desenvolvimento da criança. Os resultados apontaram a necessidade de formulação de protocolos para operacionalização do banho do recém-nascido, na elaboração de materiais nas mídias que supram a necessidade de conhecimento sobre como deve ser realizado o banho do recém-nascido de forma segura e saudável e estratégias na área da saúde que estejam presentes antes e após o parto, estendendo-se para o cuidado domiciliar.
Description: Introduction: Newborn bathing has significant relevance to prevent skin infections and contributes to body cleansing and good skin conditions. Beyond hygiene, the bath strengthens the bond between mother and child, promotes comfort and tactile stimulation, however, it can bring forth anxiety and insecurity for mothers and family and when wrongly done, it can cause harm to the child's health. Thus, mothers and family members seek information about newborn bathing on video platforms such as YouTube. Considering information about newborn bathing, the question is: How does newborn bathing content appear in YouTube videos in terms of reliability when compared to scientific publications? Objectives: To analyze videos from YouTube sharing site about newborn bathing; describe the operational aspects of newborn bathing in videos captured from YouTube; compare the content of the videos with the scientific literature. Methodology: Descriptive exploratory study, supported by the method of analysis of moving images, using qualitative approach. This research was done on YouTube, whose virtual address is www.youtube.com. Data collection was accomplished from October 2018 to January 2019 by watching YouTube videos, searching with the keyword “newborn bath” in 2016-2018 timeline. The videos were individually described according to duration; responsible for posting; date of posting; total of views; category; approach; goal; person making the approach; operationalization of the bath; bath utensil; products used; water quantity and temperature; bath time and physical space for the bath. Results: 61 videos were analyzed, of which possible quantification items were expressed in tables and information that could not be accounted for was expressed by the description. Overall, 28% of the videos last between 3 and 6 minutes, 89% are authored by natural persons, 70% are intended to educate; mothers and woman nurses were the main performers of the bath corresponding to 26% respectively. In home context, 28% of the baths were performed in the bedroom and in hospital context, 26% in the wards. The temperature of the water was an inaccurate piece of information in the records, the videos mainly use the expression "pleasant to the touch" advising that either the back of the hand or elbow was used to check the temperature. Neutral liquid soap was the most used product in the newborn bath (58%). Conclusion: the analysis of the videos reinforces that the newborn bath although it seems simple, it is something complex and directly influences the health and development of the child. The results pointed to the need to formulate protocols for the operationalization of the newborn bath, for the elaboration of materials in the media that meet the need for knowledge on how people must perform a newborn bath safely and healthy, beyond strategies in the health care area that are present before and after childbirth, extending to home care.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/5952
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Enfermagem do Campus do Bacanga

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BYANCA DOS SANTOS CANTANHEDEvec.pdfTCC de Graduação12,25 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.