Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/6472
Title: Campanha de sensibilização e prevenção ao trabalho escravo contemporâneo na baixada maranhense: ‘trabalho certo: mesmo na precisão, não caia na escravidão’
Other Titles: Campaign to raise awareness and prevent contemporary slave labor in the Maranhão region: ‘right work: even with precision, don’t fall into slavery’
Authors: PIRES, Rosana de Oliveira
Keywords: campanha de sensibilização;
rádio;
trabalho escravo contemporâneo;
baixada maranhense;
awareness campaign;
radio;
contemporary writing;
baixada maranhense.
Issue Date: 30-Apr-2021
Publisher: Universidade Federal do Maranhão
Abstract: RESUMO Este trabalho tem por objetivo conscientizar, por intermédio das mídias principalmente radiofônica, a população dos munícipios de Pinheiro, Penalva, Santa Helena e Viana acerca da prevenção e combate ao trabalho escravo contemporâneo na Baixada Maranhense. O estudo foi realizado a partir de mapeamento de projetos desenvolvidos pelos movimentos sociais, principalmente a partir das experiências da CPT (Comissão Pastoral da Terra), do CDVDH/CB (Centro de Defesa da Vida e dos Direitos Humanos Carmen Bascarán), de Açailândia, e do Programa Escravo Nem pensar!, da ONG Repórter Brasil. A Campanha de Sensibilização e Prevenção ao Trabalho Escravo Contemporâneo na Baixada Maranhense faz parte do projeto de pesquisa “Comunicação, Migração e Trabalho Escravo Contemporâneo: trajetórias de trabalhadores(as) rurais da baixada Maranhense” e foi desenvolvida de forma conjunta com outros pesquisadores do GETECOM (Grupo de Pesquisa Trabalho Escravo e Comunicação). O estudo sobre linguagem e públicos foi fundamental para a construção das peças práticas (spots e podcasts) que serão distribuídos para rádios comerciais, comunitárias e rádios web da região com o intuito de alertar trabalhadores e trabalhadoras sobre as formas de aliciamento para o trabalho escravo contemporâneo.___ABSTRACT: This work was aimed at raising awareness, through mainly radio media, among the population of the two municipalities of Pinheiro, Penalva, Santa Helena and Viana about the prevention and combat of contemporary scramble work in Baixada Maranhense. The study was carried out from the mapping of projects developed by social movements, mainly from the experiences of CPT (Comissão Pastoral da Terra), CDVDH / CB (Center for the Defense of Life and two Human Rights Carmen Bascarán), from Açailândia, e do Escravo Nem Think! Program, by NGO Repórter Brasil. A Campaign for Awareness and Prevention of Contemporary Escravo Labor in Baixada Maranhense face part of the research project "Communication, Migration and Contemporary Escravo Labor: workers' outfits (as) rurais da baixada Maranhense do OUR joint development foi (Research Group Escravo Work and Communication). The study on public language was fundamental for the construction of practical peças (spots and podcasts) that will be distributed to commercial, community and web radio stations of the region as an aim to alert workers and workers about the forms of food for or contemporary escravo work.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/6472
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Comunicação Social/ Rádio e TV do Campus do Bacanga
TCCs de Graduação em Comunicação Social/ Rádio e TV do Campus do Bacanga

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rosana_de_Oliveira_Pires.pdfTrabalho de Conclusão de Curso1,07 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.