Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/7090
Title: Caderno didático de experimentações para a área de Química Verde
Other Titles: Didactic notebook of experiments for the area of ​​Green Chemistry
Authors: SÁ, Iasmim Kelen Silva
Keywords: ensino;
meio aAmbiente;
material de apoio;
sala de aula;
desenvolvimento sustentável;
teaching;
environment;
Ssupport material;
classroom;
sustainable development.
Issue Date: 12-Jul-2023
Publisher: Universidade Federal do Maranhão
Abstract: RESUMO: A Química é uma importante ciência que estuda a matéria, suas transformações e a energia envolvida nesses processos. Dessa forma, sua abrangência é ampla em diversos cenários, como por exemplo a produção de combustíveis, o desenvolvimento de novos medicamentos ou ainda as mudanças que ocorrem na atmosfera. Todavia, os impactos ambientais associados à sua prática competem, em tamanho, com sua existência. A partir disso, surge a Química Verde, com um conjunto de princípios que visam o desenvolvimento sustentável por meio de processos e produtos menos tóxicos. Nesse contexto, tendo em vista que a educação se exterioriza como uma importante ferramenta para alastrar a cultura do desenvolvimento sustentável em todo o mundo, esse trabalho buscou desenvolver dois cadernos didáticos com experimentos na área da Química Verde (QV), para auxiliar docentes e discentes a relacionar diversos assuntos de Química com esse importante segmento. Para tanto, foram aplicados formulários estruturados e autopreenchíeis eletronicamente - via Google Forms, e os dados quantificados foram fornecidos pela própria plataforma de aplicação. Ademais, realizou-se uma aprofundada busca e estudos em periódicos, revistas e bancos eletrônicos, como por exemplo, SCIELO, por materiais basais e experimentos de Química para o desenvolvimento de cadernos didáticos voltados para o segmento da QV. Os resultados mostram que o estudo obteve sucesso no desenvolvimento dos cadernos didáticos de experimentação na área da Química Verde. Em relação ao questionário, mais da metade dos respondentes afirmou que a temática da Química Verde não é abordada em seu curso. Além disso, 98,5% dos pesquisados consideraram as práticas laboratoriais um bom auxílio para compreender os conteúdos teóricos. Diante disso, pode-se concluir que há uma deficiência na associação de temáticas ambientais com os assuntos cotidianos das disciplinas dos cursos pesquisados. Nesse sentido, os cadernos didáticos se mostram materiais de apoio importantes para que alunos e professores percebam como podem associar a Química Verde aos demais conteúdos de Química, promovendo uma abordagem mais sustentável e consciente da disciplina. Este estudo representa um passo importante em direção a um ensino mais sustentável e consciente, e espera-se que a Química Verde seja cada vez mais integrada à educação, contribuindo para um futuro mais promissor e responsável com o meio ambiente.__ABSTRACT: Chemistry is an important science that studies matter, its transformations and the energy involved in these processes. Thus, its scope is wide in several scenarios, such as the production of fuels, the development of new medicines or the changes that occur in the atmosphere. However, the environmental impacts associated with its practice compete in size with its existence. From this, Green Chemistry emerges, with a set of principles aimed at sustainable development through less toxic processes and products. In this context, considering that education is externalized as an important tool to spread the culture of sustainable development worldwide, this work sought to develop two didactic notebooks with experiments in the area of Green Chemistry (GC), to assist teachers and students to relate various subjects of Chemistry with this important segment. To this end, structured and self-completed forms were applied electronically - via Google Forms, and the quantified data were provided by the application platform itself. In addition, an in-depth search and studies were carried out in journals, magazines and electronic databases, such as SCIELO, for basic materials and chemistry experiments for the development of didactic notebooks aimed at the GC segment. The results show that the study was successful in the development of didactic notebooks of experimentation in the area of Green Chemistry. Regarding the questionnaire, more than half of the respondents stated that the theme of Green Chemistry is not addressed in their course. In addition, 98.5% of respondents considered laboratory practices a good aid to understanding theoretical content. In view of this, it can be concluded that there is a deficiency in the association of environmental themes with the daily subjects of the disciplines of the courses surveyed. In this sense, the textbooks are important support materials for students and teachers to realize how they can associate Green Chemistry with other chemistry content, promoting a more sustainable and conscious approach to the discipline. This study represents an important step towards a more sustainable and conscious teaching, and it is hoped that Green Chemistry will be increasingly integrated into education, contributing to a more promising and responsible future with the environment.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/7090
Appears in Collections:TCCs de Graduação em Química do Campus do Bacanga

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
IASMIM_KELEN_SILVA_SA.pdfTrabalho de Conclusão de Curso433,84 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.