Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/5145
Title: Conhecimentos do enfermeiro para a prática clínica do acolhimento com classificação de risco em pediatria: uma revisão integrativa
Other Titles: Nurses' knowledge for the clinical practice of risk assessment in pediatrics: an integrative review
Authors: SOARES, Denize Abreu
Keywords: acolhimento;
classificação;
criança e enfermeiro.
reception;
classification;
child and nurse.
Issue Date: 27-May-2022
Publisher: Universidade Federal do Maranhão
Abstract: RESUMO Objetivo: elencar os conhecimentos necessários para a prática clínica do enfermeiro no Acolhimento com Classificação de Risco Pediátrico e identificar os sinais e sintomas mais presentes na prática clínica da ACCR. Método: trata-se de uma revisão integrativa da literatura. Foram utilizadas evidências científicas publicadas sobre a temática a partir da busca nas bases de dados a BVS e no Portal de periódicos da CAPES, tendo como critérios de inclusão: artigos disponíveis por completo, na língua portuguesa, com abordagem relacionada à temática e que foram publicados entre os anos de 2012 e 2022. Resultados: Foram selecionados 15 artigos para compor a revisão e, após da análise dos mesmos, foi possível elencar três categorias sobre a temática: Papel do enfermeiro no ACCR; Conhecimentos e habilidades do enfermeiro na atuação no acolhimento com classificação de risco em pediatria e sinais e sintomas mais presentes na prática clínica da ACCR. Conclusão: O enfermeiro é o profissional indicado para executar o ACCR, cabendo-lhe aplicar seus conhecimentos e habilidades para desempenhar seu papel regulador nas portas de entrada das emergências. Para efetivar o ACCR na prática clínica o enfermeiro precisa atuar como protagonista, sendo capaz de gerenciar, solucionar dúvidas, liderar, criar protocolos, planejar recursos físicos e materiais, comunicar-se por meio da escuta qualificada, tomar decisões, ser proativo, comprometido, ter sensibilidade e criatividade.
Description: ABSTRACT Objective: to list the knowledge necessary for the nurse's clinical practice in the Acolhimento com Classificação de Risco Pediátrico and to identify the signs and symptoms most present in the clinical practice of ACCR. Method: this is an integrative literature review. Scientific evidence published on the topic was used from the search in the BVS and CAPES periodicals portal databases, using as inclusion criteria: articles available in full, in Portuguese, with an approach related to the topic and that were published between 2012 and 2022.Results: Fifteen articles were selected for the review and, after analyzing them, it was possible to list three categories on the theme: the nurse's role in RRR; knowledge and skills of nurses in risk assessment in pediatrics; and signs and symptoms more present in RRR clinical practice. Conclusion: Nurses are the professionals indicated to perform the RRR, and it is up to them to apply their knowledge and skills to play their regulatory role at the emergency entrance doors. To implement the RRR in clinical practice, nurses need to act as protagonists, being able to manage, solve doubts, lead, create protocols, plan physical and material resources, communicate through qualified listening, make decisions, be proactive, committed, sensitive, and creative.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/5145
Appears in Collections:TCCs do Curso de Graduação em Enfermagem do Campus de Pinheiro

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DENIZEABREUSOARES.pdfTrabalho de Conclusão de Curso492,66 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.